Novo deposito descartado

Novo deposito descartado

Secretário da Fazenda descarta depósito de mais uma parcela de salários ao funcionalismo gaúcho

Servidores receberam, até agora, só R$ 350


Os servidores estaduais vão ficar mais um dia sem receber nenhum centavo referente aos salários de agosto. O governo previa pagar, ainda na sexta-feira passada, uma terceira parcela dos vencimentos, no valor de R$ 170, mas pelo terceiro dia útil seguido. a Secretaria Estadual da Fazenda não conseguiu reunir R$ 60 milhões para realizar o depósito.

Técnicos da Receita voltarão a se reunir na tarde de de hoje(5) para avaliar os recursos do Caixa Único. A tendência, contudo, é de que ainda não seja possível pagar essa parcela nesta terça. Apesar das dificuldades de recursos em caixa, segue mantida a previsão de quitar a folha em 13 de setembro. Desde 2015, em 21 meses de parcelamento, agosto de 2017 teve a menor faixa inicial paga aos servidores, de R$ 350.

O feriado da Independência não influencia na entrada da arrecadação, mas o fim de semana sim, já que o calendário de ingresso de recursos do ICMS só abre no dia 9 (substituição tributária), seguindo no dia 10 com a entrada de pagamentos referentes a combustíveis, energia e telecomunicações. Já em 12 de setembro é dia de ingresso de recursos do comércio e da indústria. Ou seja, a grande parte parte do dinheiro só deve estar disponível na segunda-feira, dia 11, quando também entra a primeira parcela do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e do IPI-Exportação.

Já os servidores vinculados às fundações receberam os vencimentos integrais nesta segunda-feira. A folha dos 5,2 mil celetistas representa R$ 25 milhões. O governo não pagou pelo segundo mês consecutivo a parcela mensal da dívida com a União, que ficou em aproximadamente R$ 150 milhões.




ONLINE
9