Enem dos Concursos e o piso

Enem dos Concursos e o piso

O Enem dos Concursos e o piso nacional dos professores

22/01/2024

 

Quadro comparativo mostra o quanto os docentes ganham mal em relação a outras categorias de mesma formação acadêmica ou até de titulação inferior.

Os editais do Enem dos Concursos lançados recentemente pelo Governo Federal mostram o quanto os docentes da Educação Básica pública ganham mal em relação a outras categorias de mesma formação acadêmica ou até de titulação menor. 

Enquanto o piso nacional do magistério em 2024 é R$ 4.580,57 — para dois turnos de trabalho, editais do concurso unificado apresentam vagas de nível médio cuja remuneração inicial ofertada varia de R$ 7.436,29 a R$ 8.469,89

 

É inaceitável que docentes da Educação Básica continuem a ganhar tão mal no Brasil. Imagem ilustrativa: Canva.
É inaceitável que docentes da Educação Básica continuem a ganhar tão mal no Brasil.
Imagem ilustrativa: Canva.

 

Compare com o piso nacional do magistério 2024 — R$ 4.580,57 — para dois turnos de trabalho 

Salário inicial previsto nos editais do Enem dos Concursos para alguns cargos de nível superior:
  • Auditor-fiscal do trabalho: R$ 22.921,71 (900 vagas no Ministério do Trabalho e Emprego);

  • Analista de comércio exterior: R$ 20.924,80 (50 vagas no Ministério do Desenvolvimento, Indústria, Comércio e Serviços); 

  • Especialista em políticas públicas e gestão governamental: R$ 20.924,80 (150 vagas no Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos);

  • Especialista em regulação de serviços públicos de energia: R$ 16.413,35 (10 vagas na Agência Nacional de Energia Elétrica); 

  • Especialista em regulação de saúde suplementar: R$ 16.413,35 (35 vagas na Agência Nacional de Saúde Suplementar); 

  • Especialista em regulação de serviços de transportes aquaviários: R$ 16.413,35 (30 vagas na Agência Nacional de Transportes Aquaviários);

  • Auditor-fiscal federal agropecuário: R$ 15.897,33 (200 vagas no Ministério da Agricultura e Pecuária); 

  • Especialista em previdência complementar: R$ 14.010,09 (25 vagas na Superintendência Nacional de Previdência Complementar); 

  • Analista de infraestrutura: R$ 12.982,20 (270 vagas no Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos); 

  • Analista administrativo: R$ 12.953,29 (6 vagas na Superintendência Nacional de Previdência Complementar);

Os iniciais maiores para nível médio no Concurso Nacional Unificado estão no Ministério da Agricultura e Pecuária e Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia):
  • Agente de atividades agropecuárias; 

  • Agente de inspeção sanitária e industrial de produtos de origem animal; 

  • Técnico de laboratório

remuneração inicial ofertada para os três cargos varia de R$ 7.436,29 a R$ 8.469,89.


FONTE:

https://www.deverdeclasse.org/l/piso-dos-professores-em-2024/#gsc.tab=0 




ONLINE
6