Implementação da BNCC e do Novo Ensino Médio

Implementação da BNCC e do Novo Ensino Médio

Site reúne análises e boas práticas sobre a implementação da BNCC e do Novo Ensino Médio

Observatório de Implementação da BNCC e do Novo Ensino Médio traz análises de como redes estão avançando na mudança de seus currículos

por Ruam Oliveira   3 de maio de 2021


Nas redes estaduais existem 7.560.385 estudantes de ensino infantil e fundamental que já lidam com referenciais alinhados à BNCC. 4.575 municípios já homologaram seus currículos de EI/EF também de acordo com a Base. Isso representa 82% do total de municípios no Brasil.

Esses dados aparecem no Observatório de Implementação da BNCC e do Novo Ensino Médio, lançado no fim de 2020 pelo Movimento pela Base. A plataforma traz esses e outros dados sobre a adesão de princípios norteadores apontados em ambos os documentos. Além disso, o site também traz análises e exemplos de como os estados e municípios estão lidando com a questão.

No município de Itaoca, em São Paulo, secretarias e professores organizam uma formação continuada baseada nos estudos dos documentos. Um terço da jornada desses educadores é dedicada a observar e planejar aulas com foco na BNCC.

Esse é um dos exemplos apresentados pelo Observatório, que traz relatos de diversos estados brasileiros que estão, ao poucos, homologando seus novos currículos. alinhados à base.

 Infográfico: Entenda as 10 competências gerais que orientam a Base Nacional Comum

Camila Guimarães, coordenadora de comunicação do Movimento pela Base destaca que são grandes políticas nacionais e são grandes ações que acontecem nas redes de ensino públicas e particulares, ações estas que foram desencadeadas pela implementação da BNCC. Para que as ações previstas tanto na BNCC quanto no Novo Ensino Medio sejam efetivadas e saiam do papel, a coordenadora destaca que é preciso tempo, dada a complexidade dessa implementação.

Professores sentados em sala usando máscara
Movimento pela Base

Pela proximidade com diversas secretarias, Guimarães também destaca que o Movimento pela Base esteve em uma posição privilegiada e pode ser um espaço para que esse monitoramento da implementação fosse possível de maneira mais ampla.

“A gente acompanhava muito todas as movimentações que acontecem nessas frentes, tanto nos currículos das redes, nas políticas nacionais etc. E aí o que a gente começou a perceber é que estava tudo muito concentrado aqui e que faria muita diferença dar transparência para esse processo e contar para mais pessoas, para outros públicos”, aponta.

Currículos municipais EI/EF homologados em março de 2020: 1409. Em março de 21: 4.575 (82%).

Em março de 2020 nenhum currículo do Novo Ensino Médio havia sido entregue aos conselhos estaduais e/ou homologados. Essa realidade foi alterada um ano depois, como mostra o monitoramento. Em março de 2021 vinte estados enviaram currículos aos conselhos, dos quais 3 já foram aprovados pelos conselhos e aguardam homologação da secretaria e 6 já foram homologados pelas secretarias.

Além de exemplos de boas práticas que podem servir como inspiração para novos projetos em outras escolas, há também uma série de análises que podem colaborar com pensatas de implementação e formação continuada para professores.

Para conhecer o Observatório da BNCC e do Novo Ensino Médio acesseobservatorio.movimentopelabase.org.br

 

https://porvir.org/site-reune-analises-e-boas-praticas-sobre-a-implementacao-da-bncc-e-do-novo-ensino-medio/




ONLINE
8